TJGO determina fornecimento de Fosfoetanolamina a paciente com câncer

Por em janeiro 18, 2016

O juiz substituto em segundo grau Wilson Safatle Faiad concedeu liminar para determinar que a Secretaria Estadual de Saúde de Goiás (SES) forneça o medicamento experimental Fosfoetanolamina Sintética a uma mulher, portadora de câncer no ovário.

A paciente possui um câncer malígno no ovário já em estágio avançado com complicações e metástase. E atualmente, submete-se a terapia médica paliativa, não havendo mais o que se fazer ante a evolução da doença. O medicamento ainda não tem registro na Agência Nacional de Vigilância Sanitária, mas ganhou repercussão no Brasil após ter sua distribuição aprovada pela Justiça para alguns pacientes.

A paciente asseverou que teve conhecimento acerca da substância e também que o medicamento se encontra em fase de pesquisa, espera que ele possa melhorar sua qualidade de vida, pois em razão das metástases vem sofrendo fortes dores por todo o corpo.

“importante ainda mencionar que a impetrante encontra-se acometida por grave doença, causando-lhe intenso sofrimento físico e psicológico, sendo que sua última esperança de obter melhor qualidade de vida é mediante a dispensação do medicamento em debate”, frisou o magistrado.

*Informações de Arianne Lopes – TJGO

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *