PL obriga publicação na internet de listas de pacientes nas filas para cirurgias

Por em novembro 22, 2017

O senador Reguffe (sem partido-DF) fez um apelo aos senadores que integram a Comissão de Assuntos Sociais (CAS) pela votação do projeto de lei (PLS)393/2015, que obriga os governos a publicar na internet as filas das cirurgias eletivas. A proposta tem como relator o senador Otto Alencar (PSD-BA).

Segundo o senador, como não há transparência, é comum que autoridades usem sua influência para furar as filas. Assim, muitas pessoas são passadas para trás e nem ficam sabendo.

De acordo com o projeto de Reguffe, as listas seriam divulgadas na internet com o número da identidade ou do cartão nacional da saúde do paciente, a ordem que está na fila, e o tempo que o paciente está esperando pela cirurgia.

Além de tornar pública a ordem em que as cirurgias devem ser realizadas, o projeto também pretende gerar uma pressão social sobre os governos para que eles façam mutirões de cirurgias e andem mais rápido com as filas.

— Se eu perguntar para qualquer um dos senhores se alguém sabe quantas pessoas estão esperando uma cirurgia de vesícula no DF, ninguém sabe. Ou no estado de vossas excelências. Ninguém sabe porque isso não é publicizado. Tem que estar lá a fila das cirurgias na internet, a ordem, desde quando a pessoas está esperando, qual é a ordem dela na fila e desde quando ela está esperando.

*Informações da Agência Senado

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *