PF deflagra operação para investigar irregularidades em hospital do Paraná

Por em maio 22, 2015

A Polícia Federal deflagrou ontem (21/5) a Operação São Lucas para investigar médicos do Hospital de Clínicas da UFPR, Em atuação conjunta com a Controladoria Geral da União. Eles foram denunciados por receberem, há anos e sem exercer suas funções, vencimentos do Governo Federal que variam de R$ 4 mil a R$ 20 mil mensais.

A operação contou com a participação de 50 policiais federais e 3 servidores da Controladoria Geral da União, e ela visa cumprir mandado de busca e apreensão no hospital, bem como interrogar 17 servidores para prestarem esclarecimentos na sede da Superintendência da Polícia Federal no Paraná.

Os envolvidos serão indiciados pelos crimes de estelionato qualificado, falsidade ideológica, prevaricação e abandono da função pública.

Será concedida entrevista coletiva à imprensa, no auditório da Superintendência da PF no Paraná, às 14h.

*O nome da Operação faz referência ao santo padroeiro dos médicos. 

(Informações da Polícia Federal)

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *