CFM orienta sobre socorro médico em aviões

Por em fevereiro 1, 2017

O atendimento médico de emergências em aeronaves comerciais tem caráter humanitário e deve ser prestado com os recursos disponíveis a bordo.

A responsabilidade de divergir (alterar) a rota do avião é do comandante da aeronave, sendo o médico essencial e imprescindível nessa solicitação, devendo este obter cópia dos registros de atendimento.

Entre essas e outras informações, o Parecer número 52/2016 publicado pelo Conselho Federal de Medicina esclarece questões como direitos dos passageiros, conduta a ser tomada em emergências e protocolo de atendimento que oriente a consulta em voo.

Para ler o documento na íntegra, clique aqui.

*Informações do CFM

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *