Parecer esclarece as diferenças entre a auditoria e a consultoria médica

Por em janeiro 3, 2018

A Resolução 1.614/2001 do CFM regulamenta a função do médico na função de auditoria médica. No artigo 2º dessa resolução afirma-seque “as empresas de auditoria médica e seus responsáveis técnicos deverão estar devidamente registrados nos Conselhos Regionais de Medicina das jurisdições onde seus contratantes estiverem atuando”.

De acordo com o Parecer número 45/2017, publicado pelo Conselho Federal de Medicina, a auditoria médica, que não se confunde com a atividade de consultoria, está regulamentada por tal resolução, e ao médico auditor é vedada a realização de auditoria a distância consoante à Resolução CFM nº 2011/2013.

Segundo o CFM, inexiste a função de médico consultor como sinônimo de auditor nos termos apresentados pelo consultante. O ato médico conforme descrito é compatível com auditoria médica. A título de exemplificação, a função do médico consultor pode se aplicar ao médico consultado por um paciente para uma segunda opinião.

Leia o Parecer na íntegra, clicando aqui.

*Informações do CFM

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *