MPF/BA denuncia ex-administrador de plano de saúde por crime contra o sistema financeiro

Por em novembro 3, 2015

O Ministério Público Federal na Bahia (MPF/BA) denunciou José Valdir Ferreira Carneiro, diretor fiscal e ex-administrador da Cooperativa de Usuários de Serviços e Sistemas de Saúde (Coopus), por crime contra o sistema financeiro, em razão de não apresentar à Agência Nacional de Saúde (ANS), no prazo legal, documentos contábeis que estavam sob sua responsabilidade.

Segundo a ação, de autoria do procurador da República André Batista Neves, a ANS decretou a liquidação extrajudicial da Coopus, empresa administradora de planos de saúde, no dia 8 de junho de 2009. A liquidação extrajudicial é uma intervenção econômica do Estado que busca restabelecer suas finanças e pagar as dívidas. Na ocasião, os livros contábeis deveriam ter sido entregues à liquidante da ANS, porém, o diretor fiscal da empresa não apresentou qualquer informação ou documento. Apesar da dificuldade da liquidante em localizar o escritório e os administradores da empresa, José Valdir compareceu à sede da ANS no dia 15 de agosto de 2009, mas também não apresentou a documentação fiscal.

Impossibilitada de conhecer a real situação patrimonial da empresa, a ANS requereu a insolvência civil da Coopus, situação em que a empresa não tem condições de arcar com suas dívidas e a justiça concede aos credores o direito de cobrá-las antes do prazo de vencimento. O MPF requer a condenação do denunciado nas penas previstas no art. 12 da Lei nº 7.492/86, quais sejam: reclusão, de um a quatro anos, e multa.

Número da ação penal para consulta processual na Justiça Federal: 034051-41.2015.4.01.3300

Confira a íntegra da denúncia

*Informações do Ministério Público Federal na Bahia

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *