Grávida que recebeu diagnóstico falso positivo para Aids tem direito a indenização

Por em outubro 27, 2016

Na Bahia, a mãe de um bebê recebeu o resultado positivo para HIV, mas, tudo não passou de um erro. Ela foi vítima do chamado falso positivo. Indignada com os transtornos causados pela notícia, a mulher procurou a Justiça Federal. O Tribunal Regional Federal da 1ª Região condenou o hospital a pagar uma indenização por danos morais.

*Informações do Programa Via Legal / TRF1

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *