Cremesp acompanha votação da PL 4.067/2015 que institui o Revalida

Por em dezembro 11, 2017

O Conselho Regional de Medicina do Estado de São Paulo (Cremesp) acompanha a votação da PL 4.067/2015, que institui o Exame Nacional de Revalidação de Diplomas Médicos Expedidos por Universidades Estrangeiras (Revalida). O projeto está previsto para ser votado na próxima quarta-feira (13), na Câmara de Educação da Câmara dos Deputados, em Brasília.

Se aprovado, o Exame passa as ser realizado pela União com a colaboração do Conselho Federal de Medicina (CFM) e das universidades públicas participantes, a quem caberá, após a divulgação do resultado do Exame, adotar as providências necessárias à revalidação dos diplomas dos candidatos aprovados. A universidade pública interessada em participar do Exame deverá firmar termo de adesão com a União.

Atualmente, o Revalida é realizado pelo Inep (Instituto de Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira) com a colaboração de uma Subcomissão de Revalidação de Diplomas Médicos e com a participação ativa anual de mais de quatro dezenas de universidades públicas, na elaboração da metodologia de avaliação e das questões do exame, na supervisão e no acompanhamento da aplicação das provas, realizadas em duas etapas: a primeira, abrangendo uma avaliação escrita – prova objetiva, com questões de múltipla escolha, e prova discursiva; e uma segunda etapa, na qual se avaliam as habilidades clínicas dos candidatos.

*Informações do Cremesp

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *