Centro de Emergência em Vigilância Sanitária é aprovado

Por em julho 31, 2013

O Brasil vai ganhar um Centro de Gerenciamento de Informações para Emergências em Vigilância Sanitária (eVisa). A decisão foi tomada nesta terça-feira (30) pelos cinco diretores da Anvisa.

O Centro vai funcionar 24 horas por dia com a função de detectar, monitorar e disseminar informações sobre situações que representem emergência em vigilância sanitária. A nova estrutura vai integrar as ações das áreas técnicas da Anvisa para responder aos eventos de emergência. A informação monitorada e gerada será utilizada para a tomada de decisão das diretorias da Anvisa em eventos que exijam respostas rápidas.

De acordo com o diretor-presidente da Anvisa, Dirceu Barbano, o novo Centro deverá trabalhar “em sinergia e em cooperação com o Centro de Monitoramento em Vigilância Epidemiológica do Ministério da Saúde (CIEVS)”.

Entre os exemplo de situações que serão alvo do centro de monitoramento, o Diretor-presidente da Anvisa, Dirceu Barbano, citou o caso da fraude das próteses mamárias da marca PIP, ocorrida em janeiro de 2011.

O eVisa vai integrar a Rede Nacional de Alertas e Respostas às Emergências de Saúde Pública, coordenada pelo Ministério da Saúde. De acordo com o assessor da Diretoria de Controle e Monitoramento, Eduardo Hage, a experiência tem mostrado que muitos dos eventos notificados à rede têm relação com atividades e produtos regulados pela Anvisa.

O Diretor José Agenor Alvares da Silva destacou que o eVisa deve começar a funcionar em janeiro do próximo ano com uma equipe de cinco servidores da própria Anvisa. O investimento na estrutura do Centro será de R$ 185,8 mil. (Informações da Anvisa)

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *