Agência suspende e apreende produtos irregulares

Por em julho 2, 2013

A Anvisa determinou, nesta terça-feira (2/7), a suspensão dos produtos Broncoscópio FN-53A, Fibro Laringo-Bronco Pediátrico FN-40A e endoscópios flexíveis, anunciados na internet pela empresa Brazilian Endoscope Indústria e Comércio de Equipamentos Médicos. A medida se deve pelo fato da empresa não apresentar registro na Agência. O fabricante deverá fazer o recolhimento dos produtos no país.

A Agência publicou ainda a suspensão de outros produtos que não estão regularizados. As resoluções estão publicadas no Diário Oficial da União desta terça-feira (2/7).

Lote falsificado do medicamento Cialis é apreendido

A Anvisa determinou, nesta terça-feira (2/7), a apreensão de um lote falsificado do medicamento Cialis, indicado para o tratamento de disfunção erétil. A medida foi publicada no Diário Oficial da União.

Todas as unidades do produto Cialis 20mg, lote B913634, que apresentam a inscrição “validade 12-2014”, devem ser apreendidas e inutilizadas.

O laboratório Eli Lilly do Brasil, fabricante do Cialis, informou à Agência que o lote de medicamento falsificado não consta nos registros da empresa e não foi comercializado no Brasil pelo laboratório.

Confira a publicação. (Informações da Anvisa)

 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *